BBM Lista – Mangás de romance favoritos

clannadUma lista pessoal…

O clima de romance está no ar.

No próximo domingo será dia dos namorados e na segunda-feira seguinte teremos o dia de Santo Antônio, conhecido como o santo casamenteiro. E nesse clima de paixão, amor, romance e busca por presentes (?) resolvi listar aqui os meus mangás de romance favoritos.

Trata-se de apenas uma lista, sem qualquer ordem de preferência. E, como sempre, a lista contempla apenas os mangás publicados no Brasil.

***

paradise kiss 01Paradise Kiss

Essa obra de Ai Yazawa foi publicada por aqui pela editora Conrad. Trata-se de um mangá de romance que mistura comédia e muito drama. Nesse título acompanhamos a história de amor e crescimento de Yukari (Caroline) Hayasaka, descobrindo as dores do primeiro amor e se questionando sobre seus objetivos para o futuro.

Em Paradise kiss o romance não é tratado como algo inocente e cativante, e sim como algo que pode não dar certo, mesmo que os parceiros queiram muito. O sofrimento é constante e o amor do casal principal ora parece ser lindo e maravilhoso, ora parece ser algo indesejável. É uma obra, portanto, que trata o romance de uma forma bem realista e, em certo sentido, triste.


5 cm por segundo 025 cm por segundo

Obra que adapta o filme de Makoto Shinkai. 5 cm por segundo é mais um mangá em que o drama prevalece e o sentimento de angústia e tristeza toma conta com leitor. Nessa obra acompanhamos a história de Takaki Toono e o seu amor impossível por Akari Shinoraha.

Separados pela distância, Takaki viverá sua vida sempre com a lembrança de sua amiga de infância, seu primeiro amor, com a pequena ponta de esperança de que um dia se reencontrem e isso afetará não somente a sua vida como a vida de pessoas à sua volta. Não é propriamente um mangá de romance, mas sim uma obra que o usa o amor do protagonista para mostrar as consequências de se viver pregado ao passado…


Love hina 14Love Hina

A história do atrapalhado e reprovado Keitarô Urashima e a sua busca pela “garota da promessa” é sensacional colocando em doses certas o humor e o romance, inclusive misturando esses momentos. Com muitos mal entendidos, trapalhadas do Keitarô e hesitações por parte de Naru, a obra ora faz rir, ora faz torcer pelo casal^^.


Lovely Complex 01Lovely Complex

Embora ainda esteja no começo, Lovely Complex já desponta como uma das melhores comédias românticas que tive a oportunidade de ler. A história de Koizumi e Otani e a busca deles por um par (ao mesmo tempo em que rejeitam ser um casal) também é muito divertida, com diversos mal entendidos, interpretações equivocadas, etc. É uma história para rir a cada instante e para refletir sobre os impeditivos que um verdadeiro amor pode ter.

Lovely Complex é o único shoujo dessa lista…


capa_kobato_01_gKobato

Não poderia faltar o meu mangá mais querido do grupo Clamp. Mais do que de romance, Kobato é um mangá de fantasia, mas o elemento romance é o que norteia toda a obra. Tudo o que acontece tem alguma relação com amor, inclusive a decisão final de Kobato (que traria consequências negativas para a moça) também é reflexo do tratamento dado ao amor e ao romance na obra. É um título que todos deveriam ler…

***

BBM

7 Comments

  • Bruno

    Eu li Kobato semana passada <3

    Kobato se passa no mesmo Universo de algum outro mangá do CLAMP?
    Vi referência de Chobits ali, mas era tipo versão alternativa dos personagens
    E também tem um quadrinho que parecia o irmão da Sakura hahaha

    • No mesmo universo de Wish. E dá a entender que é também no mesmo universo de Tsubasa e XXX Holic, por isso você vê “versão alternativa” de personagens.

  • SIRIUS BLACK

    Até que é interessante a sua lista. Love Hina é um mangá excelente, eu o li 2 vezes, porque eu gostei muito de como o autor retratou o romance e o amor sem ser algo meloso e entediante. Eu li Kobato faz tempo, mas eu não gostei lá muito do mangá, mas o meu personagem favorito, o Ioryogi, no mangá não terminou como eu gostaria e isso me deixou meio revoltado e indignado com a obra. Eu esperava algo melhor pra ele, mesmo depois de tudo o que ele fez para estar naquele estado atual. Enfim…

  • O interessante desta lista é colocar Love HIna, sendo o único mangá shounen, que se encaixa muito bem nas categorias shoujo. Afinal, boa parte das garotas gostam muito deste mangá. E isso é louvável. Um mangá que agrada tantos garotos e garotas!

    A lista me despertou interesse em ler Kobato. Obrigado pelas dicas!

  • O titulo do post tbm poderia ser “Evite a depressão: mangas para não ler esse mês” 😛

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: