BBM Lista: mangás que não deram certo nos Estados Unidos…

Mas que saem ou sairão no Brasil…

O público consumidor de mangás que frequenta redes sociais e blogs acaba tendo uma idolatria muito grande pelos Estados Unidos, por ser um mercado onde “se publica de tudo”. Entretanto, se o mercado americano é muito bom, isso não significa que ele não sofra do mesmo mal de qualquer mercado mangá, o cancelamento de obras.

Na postagem de hoje, listamos a vocês alguns mangás que tiveram sua publicação paralisada nos Estados Unidos, mas que saíram, saem ou sairão no Brasil.

***

Tutor Hitman Reborn

Começamos com um caso clássico. Muita gente conhece esse cancelamento. O mangá de Akira Amano chegou ao Brasil com muito entusiasmo e alegria por parte dos fãs, mas também com uma certa dose de preocupação por parte de alguns. O título foi muito mal nos Estados Unidos e acabou paralisado prematuramente pela editora Viz, após o volume 16, publicado em 2010.

Em nosso país, porém, as preocupações iniciais não se concretizaram e o público de Reborn mostrou-se forte fazendo com que o título tivesse seus 42 volumes publicados pela editora Panini. A obra encerrou sua participação no Brasil no início de 2017.


100% morango

De um mangá da Shonen Jump para outro mangá da Shonen Jump, o mangá 100% morango foi outro que não teve tanto sucesso assim nos Estados Unidos. O título que só possui 19 volumes foi lançado no país entre 2007 e 2010 regularmente, mas não conseguiu chegar ao fim, sendo cancelado após o volume 14.

No Brasil, aparentemente o mangá também não foi muito bem. Inicialmente publicado mensalmente, acabou tendo sua periodicidade alterada para bimestral e depois para trimestral, sem qualquer razão aparente, provavelmente por baixas vendas. No fim, porém, o mangá acabou sendo concluído. Foi o primeiro mangá da Shonen Jump que a Panini conseguiu concluir…


Fate/Stay Night

Adaptação em mangá da famosa franquia de jogos, Fate/ Stay Night não teve vida longa nos Estados Unidos. A obra foi inicialmente publicada pela editora Tokyo POP entre 2008 e 2011, acabando incompleta. Pela época, o fim prematuro desse mangá se deve à decisão da editora de fechar seu escritório nos Estados Unidos e não necessariamente por baixas vendas. Para fechar essa saga, em 2014, a editora Viz lançou dez volumes do mangá em formato digital.

No Brasil, a Panini está publicando o título atualmente e deverá concluí-lo ainda este ano.


Shakugan no shana

Mangá e novel foram lançadas nos Estados Unidos pela editora Viz, porém ambos acabaram recebendo o sinal vermelho e pararam de sair muito prematuramente. O mangá foi lançado até o volume 6 de um total de 10. Já a novel teve apenas 2 das 26 publicadas.

No Brasil, ambas as séries devem sair ainda em 2017 pela editora NewPOP.


D.N.Angel

D.N.Angel é um título considerado por muitos sites como abandonado, mas que – segundo as editoras de todo o mundo – apenas se encontra em hiato (um longo hiato). O título está parado no volume 15 em diversos países do mundo, mas nos Estados Unidos o mangá foi paralisado no volume 13. A editora responsável pelo título foi a Tokyopop que o publicou regularmente entre 2004 e 2006. Em 2009 lançou mais 2 volumes e, desde então, não publicou mais. A Viz adquiriu o título e lançou esses 13 volumes em formato digital no ano de 2014.

No Brasil, o mangá teve seus quinze volumes publicados pela editora JBC.


Eden – It’s an Endless World

Publicado pela Dark Horse nos Estados Unidos, o mangá Eden está paralisado no volume 14, a quatro de seu fim. O título foi lançado regularmente entre 2005 e 2007, quando atingiu o volume 9. A partir daí a irregularidade virou padrão. Em 2008 apenas um volume publicado. Em 2009 mais dois volumes. Em 2010 nada. Em 2011 mais um volume. Três anos depois, em 2014, mais um volume foi lançado. Desde então não tem mais saído…

No Brasil, Eden também teve uma vida conturbada. Inicialmente foi lançado pela Panini com sentido de leitura ocidental e em meio-tanko (metade dos volumes originais), foi paralisado ao encostar com a publicação japonesa. Ficou anos sem sair. Voltou um tempo depois, teve alguns volumes publicados e acabou cancelado em definitivo. Em 2015, porém, a editora JBC anunciou a publicação do título em uma edição BIG (juntando dois volumes em apenas um) reduzindo os 18 volumes originais para apenas 9. Foi concluído no final de 2016.

***

Há outros dois títulos que foram paralisados nos Estados Unidos e que foram lançados no Brasil, mas todos com “poréns” e optamos por não incluir. Zone 00 e Trinity Blood ,por exemplo, também estão paralisados no Brasil, então não fazia sentido colocar. Já Kingdom Hearts II foi cancelado por lá, mas já está sendo publicado por outra editora, então igualmente não há necessidade de listar…

Mas e então, leitor, você conhece algum outro mangá que “se deu mal” nos Estados Unidos, mas que aqui teve mais sorte?

Curta nossa página no Facebook

 Nos siga no Twitter

BBM

19 Comments

  • Vinicius Martins Salustiano

    Hmmm estou com medo de Shakugan no Shana, somente a novel deveria ser publicada em minha opinião.
    De qualquer forma o maior problema é que tem muitas pessoas que não conhecem ou não tem interesse na série, então isso me da uma certa preocupação de que possa ser cancelado aqui tbm.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: