JBC lançará box de “Hellsing”

Mais uma caixa…

Na tarde deste domingo, 26/08/2018, a editora JBC divulgou, por meio de suas redes sociais, que lançará em breve um box do mangá Hellsing, de Kohta Hirano. Não foram dados muitos detalhes da caixa, apenas que ela conterá os dez volumes da série, além de um marcador de páginas exclusivo.

Hellsing foi publicado originalmente no Japão entre 1997 e 2008 na revista Young King OURs, da editora Shonen Gahosha, sendo concluído em 10 volumes no total. No Brasil, o mangá foi publicado pela editora JBC em duas oportunidades. A primeira foi editada entre 2008 e 2010 e a empresa dividiu os dez volumes originais em 20 tomos. A segunda foi lançada entre junho de 2015 e março de 2016, dessa vez usando a mesma quantidade de volumes do Japão.

Essa segunda edição saiu ao preço de R$ 16,50, então se o box for apenas a reunião dos exemplares não vendidos (como a maioria dos boxes no Brasil costumam ser), essa caixa deverá custar R$ 165,00.

SinopseEm uma narrativa carregada de suspense, ação e terror, o mangá acompanha as atividades da Organização Hellsing, responsável por livrar a Inglaterra dos males que espreitam na noite. Alucard é a principal arma da Hellsing contra estes seres, e sua história se cruza com a da novata Cellas Victoria e a da chefe da organização, Integra Wingates Hellsing.

Anúncios

5 comentários

  1. Finalmente uma notícia desse mercado! E uma das boas ainda!
    E aproveitando para perguntar ao Kyon/Roses uma coisa: com a crise no mercado editorial, eu vi muita gente falando que as edições de luxo foram um dos responsáveis por essa crise. Será que poderiam fazer um artigo sobre isso, ou sobre a crise em si?
    Também não esquecendo de agradecer pela informação e pelo comprometimento, já faz um ano que acompanho vocês 🙂

    Curtido por 1 pessoa

    1. Só me metendo (onde não devia), o ponto central da crise no mercado editorial tupiniquim se deve pelo desemprego e sub-emprego, que fez com que o consumo desabasse, o resto é desdobramento e práticas que na crise se viram contestadas. Se você tiver tempo, essa semana o pessoal do Universo HQ colocou no ar um podcast sobre o assunto com a participação dos responsáveis editoriais da Panini, Mythos e Nemo. Vale uma conferida.

      Curtir

    2. “eu vi muita gente falando que as edições de luxo foram um dos responsáveis por essa crise.”

      Isso é besteira e sem lógica. A maioria absoluta das publicações em nosso país são simples e normais (revistas, livros e quadrinhos). Mesmo se alguém de alguma editora viesse a público e dissesse que obras de luxo tem parcela de culpa, eu continuaria achando besteira, pois é mais fácil o problema ter sido uma má administração da empresa, por não ter percebido o momento do país, do que qualquer coisa.

      ——-
      “Será que poderiam fazer um artigo sobre isso, ou sobre a crise em si?”

      Estamos sem tempo e nem tem muito mais o que se falar que já não tenhamos dito em outras notícias: A distribuidora de bancas está com problemas, livrarias não estão pagando direito, etc. Mas se você quiser saber mais, o melhor texto que podemos indicar é o que a NewPOP publicou, em que ela dá uma pincelada sobre diversas questões, é rapidinho para ler: http://www.newpop.com.br/?p=2507

      Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s