NI 419. “Bungo Stray Dogs” ganha mais um spin-off no Japão

A mais recente edição da revista Shonen Ace, da editora Kadokawa Shoten, trouxe a informação de que o mangá Bungo Stray Dogs irá ganhar um novo spin-off no Japão ainda este ano. Intitulado Bungo Stray Dogs BEAST, a obra ficará a cargo de Shiwasu Hoshikawa e começará a ser publicada na próxima edição da revista a sair no dia 26 de dezembro.

Esse novo mangá é baseado em uma light novel de mesmo nome escrita por Kafka Asagiri, publicada no Japão no último mês de abril. O spin-off segue Ryūnosuke Akutagawa e sua busca de vingança contra um homem vestido de preto que sequestrou sua irmã. Quando ele está prestes a morrer de fome, um homem da Armed Detective Agency aparece.

Essas informações foram noticiadas pelo site americano Anime News Network e confirmadas pelo blog BBM por meio do Twitter oficial da franquia.

Bungo Stray Dogs é de autoria de Kafka Asagiri e Sango Harukawa e está em publicação no Japão desde 2012 nas páginas da revista Young Ace, da editora Kadokawa Shoten. Atualmente possui 17 volumes publicados, com o 18º previsto para dezembro. O título possui diversas outras obras derivadas, como light novels, mangás e animações.

Um dado interessante da série é que os personagens possuem nomes de escritores famosos, tanto japoneses, quando do mundo. Inclusive há até mesmo um spin-off centrado em Yukito Ayatsuji, o autor de livro Another.

No Brasil, o mangá é publicado pela editora Panini desde dezembro de 2018 e seis números foram postos à venda até o momento. O anime, por sua vez, está disponível de forma oficial no site de streaming Crunchyroll, tanto em versão legendada, quanto dublada.

Sinopse: Atsushi Nakajima foi expulso do orfanato onde vivia e agora, prestes a morrer de fome, conhece alguns homens bastante suspeitos. Um deles, Osamu Dazai, é um suicida tentando se afogar em plena luz do dia. Outro, chamado Doppo Kunikida, fica parado, folheando nervosamente seu bloco de anotações. Ambos são membros de uma agência de detetives muito peculiar. Dotados de poderes paranormais, se dizem responsáveis por solucionar casos que nem a polícia e o exército ousam tocar. Atsushi acaba os seguindo em uma missão. Fará ele parte dessa organização a partir agora?

Um comentário

  1. Não só os personagens ganharem nome de autores, como a própria autora têm “Kafka” como nome.

    A arte imita a vida, é isso Aristóteles?

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s