Resenha: “El Ratón de Biblioteca #01” (Ascendance of a Bookworm)

Mangá dos bons

Aconteceu uma coisa estranha. Estava eu procurando algumas informações para uma futura postagem e, por simples coincidência, acabei encontrando alguns mangás em espanhol na Amazon, todos eles da editora Kitsune Books. Entretanto, tais mangás estavam como “sob encomenda”, ou seja, a Amazon não tinha eles em estoque, a gente podia fazer a compra deles, mas não tínhamos a certeza de que seriam entregues. Havia um diferente, porém. O primeiro volume de El Ratón de Biblioteca (conhecido como Ascendance of a Bookworm ou O Sonho de uma Apaixonada por Livros, título que ele terá no Brasil) estava EM ESTOQUE.

Fã do anime que sou, eu já tinha comprado o primeiro volume da light novel em francês, então não pensei duas vezes em comprar o primeiro volume do mangá em espanhol. Apesar do preço muito elevado (R$ 70), era uma oportunidade única (pois se eu fosse importar da Espanha sairia mais caro ainda) e eu aproveitei para conhecer melhor o mangá antes do lançamento brasileiro. E já adianto, não me arrependi de nada.

El Ratón de Biblioteca (O Sonho de uma Apaixonada por Livros) acompanha a vida de uma moça chamada Urano Motosu, aficionada por livros, mas que acaba morrendo soterrada por eles O_o. A moça, porém, reencarna em um outro mundo, como Myne – uma garota de cinco anos, filha de um dos guardas do portão da cidade – retendo todas as memórias de sua vida anterior. Embora ainda seja criança e com um corpo frágil, Myne deseja poder ler livros novamente, entretanto ela logo descobre a dura realidade, ela é de uma família pobre e nesse mundo livros são muito caros, sendo acessíveis apenas para a nobreza.

Na obra, então, veremos Myne tentando se acostumar ao novo mundo, os hábitos medievais, o corpo fraco, ao mesmo tempo em que buscará transformar sua vida, criando livros ela mesma e até inventando coisas que não existiam nesse universo, tudo isso baseado em suas memórias da vida passada.

Quem gastaria o soldo de um mês em um pedaço de papel para sua filha?

Nesse primeiro volume, vemos a chegada da garota ao mundo paralelo e as suas primeiras descobertas (a quase inexistência de livros na cidade, o fato deles serem caros, o fato de papel ter um preço igualmente alto, etc, etc, etc), bem como os seus sonhos iniciais para a feição própria dos livros.

Suzuka – responsável pelo mangá – consegue fazer uma adaptação bastante consistente, apresentando bem a história, desenvolvendo os personagens e usando muito bem a arte dos quadrinhos para contar a trama. Todo o ambiente é bem feitinho (as casas, as ruas), as expressões faciais dos personagens também e a quadrinização igualmente é muito boa, mantendo o ritmo da história a todo instante.

Com tudo isso, acompanhamos uma história harmônica, com as esperanças e decepções da protagonista, além de muita dose de humor, humor este embasado em grande parte no estranhamento com o outro mundo e as frustrações de Myne.

É muito duro ser pobre

Em outras palavras, o mangá consegue ser uma adaptação muito boa, tão boa que se não soubéssemos que é uma adaptação, jamais desconfiaríamos. Então, quando a NewPOP publicar o título no Brasil, não deixem de comprá-lo se vocês tiverem dinheiro, pois ele é muito legal de verdade.

***

A edição física da Kitsune Books, por sua vez, é igual a maioria dos mangás em espanhol: formato pocket com sobrecapa e miolo em papel offset. O tamanho é semelhante a Given, Fruits Basket – Edição de Colecionador e Dead Dead Demon’s Dededede Destruction. É uma edição bem bonita de verdade. Gostei bastante.

Ficha Técnica

Título Original: 本好きの下剋上~司書になるためには手段を選んでいられません~第一部 「本がないなら作ればいい!
TítuloEl Ratón de Biblioteca
Autor: Suzuka (baseado em obra de Miya Kazuki)
Tradutor: Joan Eloi Roca
Editora: Kitsune Books
Número de volumes no Japão: 7 (completo)
Número de volumes na Espanha: 7 (completo)
Dimensões: 12,8 x 18,2
Miolo: Papel offset
Acabamento: Capa cartão com sobrecapa
Onde comprar: Amazon

NOS SIGA EM NOSSAS REDES SOCIAIS



2 Comments

  • Essas adaptações em mangá são ótimas, já li a parte 1 e a 2 ainda não terminei, a parte três também em andamento já tá nas mãos de outro mangaká, e ainda não li.
    Vou pegar as novels por serem o original e pela ótima escrita da autora, assim como as lindas artes, e o mangá pra ler com minha irmã, quando ela for maior.

  • Vai ver alguém encomendou esse volume e a Amazon solicitou mais de um pra se ter em estoque. Isso aconteceu uma vez comigo. Comprei um livro importado qu estava “Sob encomenda” e quando eu fui ver a página do livro quando o meu foi enviado tava escrito lá “Em estoque”

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: