JBC lançará “Edens Zero”, de Hiro Mashima

Simultaneamente com o Japão

A editora JBC divulgou hoje, por meio de seu canal no Youtube, que publicará no Brasil o mangá Edens Zero, de Hiro Mashima, de forma simultânea com o Japão, em formato digital. A editora lançará um capítulo por semana, assim que sair no oriente. O primeiro capítulo será publicado já semana que vem, no dia 27. É a primeira vez que uma publicação simultânea assim ocorre em nosso país.

Anteriormente havia sido divulgado que o novo mangá do Mashima seria lançado em outras cinco línguas de forma simultânea (francês, Inglês, coreano, chinês e tailandês) e agora o nosso idioma também será contemplado.

Hiro Mashima é autor do mangá Fairy Tail, recém concluído no Brasil pela editora JBC. Mashima também é o responsável por Monster Hunter Orage, Mashima-en e Fairy Tail Zero, todos publicados pela JBC. Ele ainda é autor de Rave Master, inédito no Brasil.

[Atualização]. A editora enviou e-mail com algumas informações adicionais, como a sinopse (abaixo) e o preço. Cada capítulo de Edens Zero custará R$ 5,90. O primeiro deles terá cerca de 50 páginas. Vale lembrar que os e-books da JBC podem ser encontrados na Amazon​, Kobo Rakuten​, Kobo Livraria Cultura​, iBooks e Google Play Books.​

Sinopse de Edens ZeroEm companhia do gatinho falante Happy​, a jovem Rebecca viaja mundo afora gravando vídeos para compartilhar no canal Aoneko​, um tipo de YouTube existente no universo de Edens Zero. Um dia, a dupla vai para o Reino de Granbell​, um abandonado parque de diversões habitado só por robôs. Os dois estavam se divertindo muito, quando surge um garoto misterioso que se apresenta como Shiki​. Quem é esse garoto e o que ele estaria fazendo nesse lugar só de robôs?!

***

Leia também:

Curta nossa página no Facebook
Nos siga no Twitter
BBM

12 Comments

  • Starrk

    Mangá com capa metalizada, shonen não vindo em papel jornal, mangá lançado semanalmente com Japão, caramba, mês de grandes surpresas pro mercado de mangás BR.

  • e antes que algum mimizento vena falar bobagem porque é do hiro “mahine”, entendam que isso pode abrir uma porta gigantesca pros mangas no brasil e farao a panini e newpop se mexerem pro digital se a oisa vingar, o que torço muito.

  • Samuel Rosa

    Eu sei que e uma coisa fantástica mais 5,90 por capítulo sem chance o primeiro tem 50 paginas e os próximos 20-25 .

  • Que nem o Samuel falou, o primeiro capítulo vai ter 50 páginas. Geralmente mangás tem primeiros capítulos assim. Os capítulos seguintes vão ter em média 20 páginas. Pagar 5,90 por semana pra ler 20 páginas é um pouco caro. E se formos olhar que um volume normal de Fairy Tail tem cerca de 9 capítulos: 9×5,90 = 53,10 pra ler o que poderá ser vendido no futuro por 20 reais mais ou menos caso a JBC venha a publicar impresso por aqui.

    Claro, a iniciativa é maravilhosa! Amo a JBC por publicar mangás em formato digital, mas a meu ver, não compensa! Seria melhor talvez se o mangá fosse publicado numa plataforma tipo o Social Comics por exemplo.

    • Já foi dito que os japoneses não deixaram, ainda, colocar no Social Comics, nem em nenhuma outra alternativa que siga o modelo de assinatura.

  • Herbert

    Essa obra não me interessa, mas a iniciativa é muito interessante. Afinal é uma outra alternativa pra quem quer ler junto com o Japão. E quanto ao formato digital em geral é interessante pra obras que não acho o formato físico satisfatório e se for mais barato também alivia o bolso pra aquelas obras, que a gente ler só por entretenimento.

  • LeitorAssíduo

    Bacana, mas dispenso completamente, e não é só pelo preço.

  • Victor Lucas Brito de Andrade

    Caro demais para ser viável como coleção.
    Depois vão vir com “não tem mais porque não vende” e a culpa vai ser nossa @_@’

  • Gustavo Hely

    Olá, gostaria de saber se o mangá de Savanna Game terá continuação no japão? Sei que já publicaram sobre isso a um tempo atrás, mas gostaria de uma atualização se possível, porque faço coleção do mangá no Brasil

    • Até o momento não ficamos sabendo de nenhuma continuação. Acabou naqueles 8 volumes mesmo. Pelo menos por enquanto.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: