Resenha: Furi Fura – Amores e Desenganos (volume 7)

A história andou até mais do que poderíamos imaginar…

ATENÇÃO: O TEXTO A SEGUIR CONTERÁ SPOILERS DE FURI FURA #07

Comentei em uma postagem do mês de abril que o mangá Furi Fura – Amores e Desenganos parecia estar na reta final, pronto para ser resolvido, bastando que os personagens parassem e fossem conversar, de modo sincero. Entretanto, o final do volume #06 parecia dar uma reviravolta na história, com um personagem que tenderia abalar as estruturas do que tínhamos até então.

Era algo natural a se pensar, afinal a gente sabe que a obra foi concluída no Japão em 12 volumes, então ainda faltava metade do mangá e conflitos precisavam surgir para dar andamento na história. E que conflito melhor do que um novo amor, um triângulo amoroso? Mas a gente estava enganado e os personagens mantiveram-se fieis aos seus gostos, princípios e desejos. Não só isso, a obra avançou mais do que a gente poderia pensar.

Embora o volume tenha apresentado uma nova evolução de Akari com a aparição de seu antigo namorado e de ex-colegas de escolas, o grande foco desse volume foi, sem dúvida, a amável e afável Yuna, mostrando o seu jeito gracioso de sempre e progredindo bastante.

Desde o início do mangá, ela estava apaixonada por Rio e esse era o sentimento que a movia, ainda que fosse um amor impossível, um amor platônico desde o começo, devido a ele ser mulherengo e o sentimento secreto dele para com sua irmã Akari. Mas Yuna evoluiu bastante durante todos esses volumes, então como ela reagiria após uma declaração de amor de um amigo? Como isso a abalaria? Ou antes, até que ponto aquele sentimento era amor?

A adolescência é uma fase em que a gente confunde sentimentos, extrapola outros e basta um pequeno movimento para que todas as certezas se explodam. É claro que essa definição de adolescência poderia ser facilmente entendida como “vida”, mas essa fase mais juvenil é mais enganadora para todos os sentimentos. Daí que era imprevisível o que aconteceria com Yuna se um de seus amigos se declarasse a ela. Isso abalaria o amor dela por Rio? Era uma possibilidade, mas Yuna é uma personagem bem construída e sua personalidade não permitiria algo assim. Ela prefere continuar presa ao amor por aquele garoto, do que aceitar os sentimentos de um amigo leal do qual ela não sente nada.

É aí está uma das grandes qualidade de Furi Fura. É bem fácil mudar um personagem de uma hora para outra com propósitos de fazer a obra andar, mas Io Sakisaka segue a personalidade deles à risca e toda mudança que eles sofrem é baseada na consequência dos acontecimentos e da interação entre os personagens e não uma mudança repentina de personalidade. Então a Yunazinha continuou bem construída nesse volume, continuou do mesmo jeito que a gente conhecia.

O todo da história, então, levava a crer que Yuna e Rio finalmente ficariam juntos, mas novamente o acaso iria os separar. Yuna achava que Rio iria se declarar para um garota e, devido a um certo acontecimento, Rio também passou a achar que Yuna iria se declarar para um garoto. Os dois estavam certos, a bem da verdade, mas eles queriam se declarar um para o outro^^. Estava claro que não daria certo, estava claro que eles não conseguiriam falar um com outro, porque várias vezes os personagens tiveram dificuldade em ser sinceros. Mas eis que eles conseguiram, eis que eles foram sinceros e conseguiram começar a namorar.

Agora são cinco volumes para o final para vermos o desenvolvimento desse romance. Parece (apenas parece) que a parte dos desenganos já acabou para esse casal, e agora é hora do amor florescer. Claro que ainda há alguns “desenganos”, alguns mal entendidos aqui e ali, mas que se resolvem facilmente. O que importa é que agora as coisas irão tomar um outro rumo para esse par de jovens…

O outro casal, bem, eles ainda não se resolveram, mas não devíamos querer tudo de uma vez, não é mesmo? A presença do ex-namorado de Akari mexeu um pouco as coisas e isso pode se repercutir já no oitavo volume. Ele já foi lançado, mas ainda não chegou para a gente.

De todo modo, o volume 7 foi muito bom e mostrou como Furi Fura consegue ser um excelente mangá de romance, com uma boa evolução desde o volume 1, sendo muito superior à obra mais famosa da autora.

FICHA TÉCNICA

Título original: 思い、思われ、ふり、ふられ
Título NacionalFuri Fura – Amores e Desenganos
Autor: Io Sakisaka
Tradutor: Karen Kazumi Hayashida
Editora: Panini
Dimensões: 13,7 x 20 cm
Miolo: Papel Offwhite
Acabamento: Capa cartonada simples
Classificação indicativa: 14 anos
Número de volumes no Japão: 12 (completo)
Número de volumes no Brasil: 8 (ainda em andamento)
Preço: R$ 22,90
Onde comprarAmazon / Comix
%d blogueiros gostam disto: