BBM Lista – Títulos Estrangeiros de Mangás

Mais uma lista

Quando um mangá é lançado fora do Japão, o nome que vai ser utilizado na obra em um determinado país costuma variar bastante. De maneira geral, uma editora de mangás pode adotar para uma determinada obra três tipos de nomes distintos. O primeiro é seguindo o original japonês, apenas transliterando para o nosso alfabeto (como Kimi no Todoke ou Jujutsu Kaisen). O segundo é utilizando o título internacional da obra, geralmente em inglês (como Fullmetal Alchemist ou Demon Slayer). O terceiro é uma tradução ou adaptação do título original (como Lúcifer e o Martelo e As Quintuplas). Existem diversos “se’s” e “poréns” no meio disso (como títulos que já são originalmente em inglês ou outros idiomas, dentre outros), mas a gente pode agrupar tudo nesses três casos.

Mas uma coisa muito interessante a esse respeito é que enquanto alguns mangás têm títulos completamente distintos em cada país (O mangá 五等分の花嫁, por exemplo, é chamado de The Quintessential Quintuplets, Somos Quintillizas, Las Quintillizas, As Quintuplas, entre outros, a depender do país), enquanto outros são conhecidos pelo mesmo nome, independe do local (casos de Dragon Ball, Death Note, Naruto, Gigant, Fullmetal Alchemist, Erased, entre outros).

Acerca desse último caso, mesmo esses nomes “conhecidos em todo o mundo” tiveram alterações em alguns países (ou em alguns momentos) por uma diversidade de fatores. Hoje viemos listar sete obras que são conhecidos por um mesmo nome em todo canto, mas em alguns países tiveram um título completamente diferente. Vamos ver:


Yu Yu Hakusho (Itália)


Na Itália, o mangá 幽遊白書 (Yu Yu Hakusho) é conhecido pelo nome de Yu Degli Spettri (algo como Yu dos Espíritos). Na maioria dos países, a obra é conhecida como Yu Yu Hakusho mesmo, tendo no máximo um subtítulo em idioma local.

O mangá saiu no país em duas oportunidades, entre 2000 e 2002, seguindo a edição clássica de 19 volumes, e entre 2014 e 2015, seguindo o kanzenban da obra, em 15 tomos. Em 2002, também saíram 5 Anime Comics da obra.


Dragon Ball (Catalunha)


O mangá Dragon Ball costuma ser conhecido por esse nome em praticamente todo o canto, tendo em vista que esse é o nome da obra também no Japão. Na Espanha, porém, o mangá teve um nome diferente em algumas edições da obra. As publicações em idioma Catalão (falado na região da Catalunha) traduziram o título para Bola de Drac saindo assim até hoje.

Assim como a obra original, o mangá Dragon Ball Super também tem seu título alterado em catalão, sendo chamado de Bola de Drac Super. O título saiu em várias oportunidades na Espanha, bem como algumas obras derivadas como artbooks.


Erased (Espanha e Alemanha)


O mangá 僕だけがいない街 é chamado em boa parte dos países de Erased, o título internacional da obra, mudando apenas o subtítulo (que algumas vezes nem tem) de país para país. Na Espanha e na Alemanha, porém, essa “regra” não foi seguida e os títulos foram adaptados em ambos os locais, cada um de uma maneira diferente.

Na Alemanha, a obra teve o título traduzido do nome original em japonês, enquanto na Espanha o título foi traduzido do nome internacional. Na Alemanha, a obra foi publicada entre 2014 e 2017. Na Espanha, saiu entre 2015 e 2018.


Your Lie In April (Itália)


O mangá 四月は君の嘘 foi chamado de Your Lie In April (seu título internacional) em praticamente todos os países que utilizam o nosso alfabeto, mas na Itália o nome da obra foi diferente.

Capa italiana

Por lá, o mangá foi chamado de Bugie D’Aprile (A mentira de Abril). O título foi publicado na Itália entre janeiro de 2017 e maio de 2018.


BERSERK (ESPANHA)


Na primeira vez que o mangá Berserk foi publicado na Espanha, ainda nos anos 1990, nos primórdios dos mangás no ocidente, o mangá foi chamado por lá de Gatsu – El Guerrero Negro.

Essa edição saiu entre janeiro e outubro de 1996 e teve dez números. Entretanto, ela tinha cerca de 40 a 50 páginas por número, de modo que o conteúdo cobriu cerca de 2 volumes do original japonês. Berserk voltaria posteriormente ao país depois com seu nome origina (e seria até alvo de uma maldição) mas hoje está em publicação (pelo menos até onde é possível^^).


Food Wars! (Polônia)


Em todos os países em que o mangá 食戟のソーマfoi lançado, ele teve o nome de Food Wars! (o título internacional da obra), mas na Polônia a coisa foi diferente e o nome foi traduzido para o idioma local, chamando-se de Kulinarne Pojedynki (algo como Duelos Culinários, segundo o Google Tradutor).

O mangá começou a sair na Polônia em novembro de 2016. Atualmente 23 volumes já foram editados no país.


Wotakoi (França)


O mangá ヲタクに恋は難しい, de Fujita, é chamado de Wotakoi em praticamente todos os países em que é lançado, mudando apenas o subtítulo. A única exceção é a França. Por lá, o mangá é chamado de Otaku Otaku.

O título é publicado na França desde abril de 2018. Até o momento, os oito primeiros volumes já foram publicados no país.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: