NI 186. No Japão: Mangá “Saintia shô” pausará por um mês…


O mangá Saintia Shô, de Chimaki Kuori, sofrerá uma pequena pausa de um mês no Japão, só voltando em outubro. A informação foi revelada na mais recente edição da revista Champion Red em que o mangá é publicado. Segundo informações do site CavZodíaco, o maior site especializado na franquia Saint Seiya, esta será apenas a segunda pausa do mangá desde que iniciou sua publicação no Japão.

Agosto de 2017

Saintia Shô é um spin-off de Cavaleiros do Zodíaco, pela primeira vez tendo mulheres como protagonistas. O título é publicado no Japão desde 2013 e, atualmente, possui 10 volumes. No Brasil, o mangá é editado pela JBC. Agora em agosto a editora publicou o volume 5. Confira a nossa resenha do volume 1, clicando aqui.

Sinopse: Em Saintia Shô acompanhamos a história de Shoko, uma garota que passou os últimos anos treinando artes marciais e tornou-se bastante forte por causa disso. Shoko possui uma irmã chamada Kyoko que, cinco anos antes, foi escolhida por uma fundação para estudar no exterior e, desde então, não deu sinal de vida. Constantemente, Shoko tem um sonho esquisito (que depois, se descobrirá ser uma lembrança do passado) em que está prestes a ser mordida por uma cobra, mas acaba sendo salva por um homem de armadura. As coisas caminham bem até que Shoko descobre que Saori Kido – herdeira da fundação que levou sua irmã – está estudando no mesmo colégio que o seu e decide falar com ela. A partir daí uma série de acontecimentos começa a mudar a vida de Shoko como o reaparecimento Kyoko (agora como Saintia) e, principalmente, com o ataque das servas de Éris (a deusa da discórdia) que fará a garota pedir para Saori a transformar em uma Saintia.

***

Compre a versão brasileira emAmazon / AmericanasFnacSaraiva / Submarino

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

BBM

4 Comments

  • “…pela primeira vez tendo mulheres como protagonistas…” mas e o Omega? Não veio antes? asashsahusahu

  • pimpao10

    Eu não estou lendo Saintia Sho, mas as capas estão lindas… Ah se eu gostasse de shonen porradeira genérico…

    • Fabio Anderson

      Se eu fosse você daria uma chance a esse mangá.
      Claro que ele não é algo que vai revolucionar a industria, muito menos fugir da formula Battle Shonen. Mesmo assim é uma leitura divertida e boa para se distrair. E como você mesmo citou, a arte é muito bem feita.
      Mas claro, ainda é um Shonen de porrada (relativamente) genérico.

  • Urashima

    E a série é boa. Não dei muito valor no início mas como fã da franquia resolvi dar uma chance e achei muito boa. Não é uma obra prima mas cumpre muito bem àquilo que se propõe. E até agora (vol 03) consegue se encaixar na cronologia de CDZ.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: