BBM Responde: o que é esse tal de papel Off white?

Já falamos sobre isso, mas é bom repetir^^

Com o anúncio de que Boruto, The Promised Neverland e outros mangás serão lançados em papel Off White pela editora Panini, muita gente tem perguntado que tipo de papel seria esse e se ele era igual ao da JBC. Respondemos a questão em nossa página no Facebook, mas achamos necessário fazer uma postagem aqui no blog também.

  • O que é esse papel Off white que a Panini irá usar em seus novos mangás?

Já temos uma postagem aqui no blog, datada de 2016, em que falamos de papel e comentamos sobre o papel Off white. Citamos da referida postagem: “[O Off white], na verdade, é mais um papel Offset melhorado.[…] A principal característica deles é sofrer algum tipo de tratamento que os deixa com leves cores amareladas ou acinzentadas e, em alguns, um toque mais suave. A ideia do papel é cansar menos a vista, já que a cor mais pastel e opaca diminui a reflexibilidade do papel, e, algumas versões, ser mais confortável de se folhear. É especialmente produzido para livros e publicações“.

O Offset é aquele papel branco usado em títulos como Pluto, OPM e Fullmetal Alchemist, além da maioria dos mangás da NewPOP ou nos primeiros títulos da Conrad (Cdz, Dragon Ball, etc). O Off white, então, é um “aperfeiçoamento” do papel Offset, recebendo um tratamento para que ele não seja tão branco e seja melhor para a leitura. Inclusive, se você for pesquisar  em alguns sites de gráficas e similares verá falando que Off white é papel Offset, apenas com tonalidade não-branca, neste link você pode ver sobre o Polén.

Importante dizer que quando falamos de Off white, estamos nos referindo a um nome geral de um tipo de papel que tem diferentes características, de acordo com a marca e o tratamento que recebe. Algumas das marcas usadas na cena otaku foram o Avena (novels da NewPOP), o Lux Cream (GTO, Blame! e Akira), o Pólen (Ayako) e o Munken (The Ancient Magus Bride, O homem que passeia).

Desde o final de 2017, a JBC também têm usado, em títulos como Your Name e Fairy Tail Zero um papel que ela chamou apenas de off white, sem distinção de marca*. Agora a Panini fará o mesmo. Como “off white” é um nome genérico, não há como saber exatamente como será o papel desses novos mangás da Panini. Teremos que esperar e ver em mãos.

*Em nossas pesquisas encontramos algumas empresas que trabalham com um papel chamado apenas de Off White mesmo, mas igualmente listado junto ao Avena e outras marcas. Então, realmente, só depois dos mangás da Panini serem lançados que poderemos avaliar esse tipo de papel e ver se ele é um dos bons para a leitura e se vale o preço cobrado.
  • Qual Off white é melhor?

Não sabemos dizer qual é e SE existe um melhor de fato, pois eles são muito parecidos entre si. Em nossa opinião, porém, o Lux Cream e o Munken são excelentes tanto por seu aspecto visual que deixam a arte mais viva e fazendo a história ser apreciada de forma melhor, quanto pelo toque. O “Off white” da JBC também é bom pelo seu aspecto visual, mas não é tão bom de se folhear como o Lux Cream e o Munken.

O Avena e o Pólen só vimos em livros (não adquirimos Ayako) e a nós o Avena nos parece melhor para folhear, mas é uma diferença mínima. Muita gente, porém, prefere o Pólen.


Esta foi uma postagem da nossa coluna BBM Responde, uma série voltada para responder perguntas que encontramos nas redes sociais, em comentários do blog, etc. A ideia é responder perguntas bem simples, mas que mesmo assim muitos leitores e colecionadores tenham dúvidas.

Igualmente a coluna tem como objetivo ajudar aquele novo leitor de mangá a navegar pelo nosso mundo que às vezes pode ser muito exclusivo. Aproveitamos e convidamos também nossos leitores mais antigos a dividir suas dicas e experiências. Além disso sintam-se livres para usar esse espaço como um FAQ e perguntar qualquer coisa que poderemos responder futuramente.

15 comentários

  1. Olá Kyon.
    Gostaria de saber o papel em que são publicados mangás nos EUA. Procurei informações do papel usado nos omnibus de One Piece e não achei nada. Parece que os americanos desconhecem os tipos de papel (off set, jornal, etc) ou eu pelo menos não encontrei.
    Obrigado.

    Curtir

    1. Eu não compro mangás americanos, então infelizmente não tenho como dar uma resposta 100% precisa. Mas eu já vi um ou outro mangá da editora Viz em sebos e são claramente em papel jornal. A única diferença é que usam um papel mais grosso.

      Como One Piece é da Viz e omnibus é uma edição barata, provavelmente o papel é o mesmo.

      Curtir

      1. Acabei de comparar o meu Naruto 34 da Viz com o 34 da Panini. O da Viz está amarelado nas bordas mas não tanto quanto o da Panini. O curioso é que o americano tem uma textura diferente, com umas ranhuras, além de ter maior gramatura.
        Já o meu Berserk da Dark Horse claramente é algum tipo de off white.
        Mas acho estranho ninguém divulgar lá quando um mangá tem um papel melhor, por exemplo.

        Curtir

        1. Na verdade, o estranho é divulgar^^.

          Aqui no Brasil, mais ou menos de 2012 para cá, as editoras de mangás começaram a utilizar, de forma enfática, o tipo de papel como forma de divulgação e até propaganda do produto. Isso ocorreu tanto que virou comum e a gente acha natural. Em outros países, porém, raramente a gente vê divulgação do tipo de papel.

          Isso não quer dizer que os consumidores não ligam (ligam sim e ligam muito), mas as editoras não costumam divulgar mesmo, não. A gente só lembra de ter visto uma vez, na França, uma empresa anunciar que mudaria o tipo de papel em suas futuras publicações, e uma editora Argentina, comentando o papel de seus primeiros mangás. E só. Nada mais.

          Curtir

          1. Nossa. É tão estranho pensar que há mais transparência no Mercado brasileiro de quadrinhos que nos outros países. Mas ainda bem. Para mim o tipo de papel é importantíssimo na hora de decidir se vale a pena colecionar um título.

            Curtir

    2. Já vi muto fórum de mangá/anime dos EUA reclamando que o mangá amarela rápido, então dá para deduzir que é um papel simples, sem muito tratamento, parecido com o nosso papel jornal.

      Curtir

  2. Ótima informação, tenho mangás e novels de diferentes tipos de papel mas o melhor que achei foi o Lux Cream principalmente de Blame! ótima obra, logico que esse Off white e melhor que jornal, e espero que os mangás futuro saia nesse papel Off white ou Lux Cream ou melhor.

    Curtir

  3. Quando fala de papel além de falar sobre características do papel é legal lista qual é melhor que qual. Fazendo tipo um top dos melhores papéis que encontramos no nossos mangás.

    Curtir

  4. Kyon, uma dúvida, já teve ou tem algum Mangá lançado no Brasil com aquele papel que parece ser meio ”plastificado”? Em livros da Darkhorse como os do Zelda eles usam ele. Não necessariamente precisa ser colorido, mas é um papel bem ”luxuoso”, e mesmo assim eles lançam um livro gigante daquele de 40 dólares pra menos. Já lançaram algo parecido em mangás? Falei Brasil, mas pode incluir exterior também.

    Curtir

    1. Tem mais de um papel que parece plastificado^^.
      Mas, sim, já tivemos.

      Recentemente, o Guardiões do Louvre, da editora Pipoca & Nanquim, foi publicado em papel couchê (que é um desses que parece meio plastificado). Anos atrás a Panini lançou o mangá Highschool of the dead FULLCOLOR, também em um papel plastificado. A editora divulgou como sendo papel couchê, mas algumas pessoas afirmaram ser o LWC (que é outro desses plastificados e brilhosos). Nos dois casos, os mangás eram 100% coloridos.

      Existe ainda um caso interessante e à parte. Em 2011, a Conrad começou a publicar o mangá Gen Pés Descalços e, na ocasião, ela utilizou o papel offset. Em 2016, 2017, a editora Conrad reimprimiu os primeiros volumes do mangá e nessa reimpressão, o papel veio diferente, plastificado^^. Nem aumentaram o preço. Sabe-se lá o porquê de ter acontecido isso.

      Provavelmente tem outros mais obscuros, mas do que a gente lembra de cabeça são esses…

      Curtir

      1. Ah, muito obrigado por responder. ^^ Por acaso você tem em sua posse algum desses livros da Darkhorse pra saber se é exatamente o mesmíssimo tipo? Outra pergunta, talvez um pouco mais complicada: esses papéis são extremamente caros, ou estou enganado? Provavelmente a versão colorida deles é que seja de valor bem elevado, não colorindo deve dar uma bela aliviada, mais isso sou só eu supondo.

        Curtir

        1. Não compro produtos americanos, então não tenho.

          Sobre preços, não tenho conhecimento. Mas é natural ser mais caro. Só que certamente existem caros e caros. Dentre os plastificados que eu citei, o couchê é sem dúvida melhor que o lwc, então provavelmente deve ser mais caro. E ambos devem ser mais caros que o offset. Mas o único modo de ter certeza é pesquisando preços em gráficas.

          Curtir

Os comentários estão encerrados.