NewPOP: veja as principais informações da live da editora

Se não viu, veja o que de mais importante foi dito

Na noite desta segunda-feira, 25 de março de 2019, a editora NewPOP realizou uma live no Facebook onde comentou sobre diversas coisas envolvendo a empresa e os títulos lançados por ela. Aqui repassamos para vocês as principais informações comentadas na live.

  • A importância de comprar no lançamento

Mais uma vez a editora falou sobre a importância de se comprar no lançamento ou pelo menos não esperar muito para comprar uma obra da empresa. Adquirir os produtos no momento em que sai ajuda demais a empresa.

Além disso, se as pessoas ficarem esperando (para saírem mais volumes ou por promoções, por exemplo), isso pode passar uma ideia errada para a editora, de que uma dada série não está vendendo bem, o que ocasionaria em uma diminuição da tiragem e consequente aumento de preço.

A empresa também comentou que não faz muita diferença comprar na loja da editora, na Amazon ou nos lojistas menores, o importante é comprar e não esperar muito para isso.

  • Anúncios?

A editora tem muitos títulos para anunciar, mas a editora prefere deixar eles guardados até conseguir regularizar a publicação das obras já em lançamento e anunciadas anteriormente. Entretanto, a empresa realizou um anúncio na live, a série de livros Lodoss War (saiba mais).

  • Artbook de Re: Zero

Ainda em tradução e revisão (o artbook vem em um box com duas light novels para quem não sabe) e, portanto, sem uma data definida, mas deve entrar em pré-venda em breve. O lançamento, segundo a editora, ocorre ainda no primeiro semestre.

A empresa também respondeu sobre a possibilidade de lançar outros artbooks. Segundo ela há a intensão, mas ela pretende primeiro esperar um pouco para saber o resultado do de Re: Zero.

  • Boxes de Mangás?

A empresa tem a pretensão de lançar, mas não serão boxes com descontos. A editora ou lançará boxes pelo preço de capa de cada mangá ou boxes bem diferentes com algum extra saindo mais caro que a compra dos volumes avulsos.

A NewPOP pensa dessa forma para não desfavorecer quem compra os mangás avulsos no momento do lançamento, para que os consumidores não se sintam “enganados”. Para a editora, a venda no lançamento é realmente algo muito importante.

  • Citrus, Happiness e Made In Abyss

Os três títulos estão aguardando aprovação de material, por isso estão demorando para retornarem. Segundo a editora, a empresa costuma enviar uma ou duas capas de vez e, na última leva, a aprovação está demorando mais do que o normal. No caso de Made In Abyss e Citrus, a editora lembrou que não é só a empresa japonesa que aprova os materiais, os autores também gostam de olhar e checar por eles mesmos as capas e tudo mais.

Assim que esse material chegar, elas voltam ao normal na grade de lançamentos da editora, continuando sua periodicidade bimestral. A NewPOP, inclusive, ainda está analisando a possibilidade Citrus e Happiness se tornarem mensais, visto que as séries já acabaram no Japão e a aceitação deles no Brasil está muito boa.

  • Corpse Party

O novo mangá da franquia está totalmente  traduzido, mas não há previsão de lançamento. A editora está ainda revendo o cronograma, pois ela não tem a capacidade de publicar um monte de séries regulares e lançá-las todas ao mesmo tempo.

  • Cultura e Saraiva

A editora não entrou em detalhes sobre a crise ocasionada pela recuperação judicial das livrarias Cultura e Saraiva, mas comentou que ninguém ficaria surpreso ao saber que deixar de receber cerca de 160 000 reais impacta o fluxo de caixa de uma empresa. Com um montante desses, a editora conseguiria imprimir muitos livros.

A NewPOP chegou a comentar que a editora está conversando novamente com a Saraiva e provavelmente deve voltar a enviar os produtos para a loja, mas de uma forma mais controlada. Sobre a Cultura… a editora não foi muito animada e des-recomendou a compra nessa loja.

  • K, Number Six e Loveless

Nenhuma dessas três séries foram canceladas. Tanto as novels de K e Number Six, quanto o mangá Loveless não tiveram o retorno que a editora esperava. Por isso e devido à crise do mercado editoral, a NewPOP teve que rever os seus lançamentos e priorizou as obras com boa vendagem, mas a empresa pretende encaixar essas obras na grade de publicações da empresa em algum momento.

  • Log Horizon

A editora reafirmou que já tem até o volume 10 diagramado. Segundo a empresa, o não lançamento se deve aos problemas ocasionados pela Cultura e pela Saraiva e outras redes menores que faliram, por isso a empresa teve dar uma segurada nos lançamentos.

Ainda sem data para o retorno da publicação.

  • Mangás aumentarão de preço?

A editora acredita que não haverá aumento no momento. Os últimos lançamentos da editora já vieram a R$ 18,00, mas não deve passar disso. Por enquanto, então, não  deve mesmo ter reajustes nos valores praticados pela empresa.

  • Mangás em bancas de revista?

A editora falou que voltar a trabalhar em bancas é difícil e repetiu mais uma vez o que ela sempre comenta, que se retirar das bancas em 2016 foi a melhor decisão para a empresa. A NewPOP comentou também que até hoje a Dinap (distribuidora de bancas de revistas) ainda deve dinheiro para ela.

  • Mangás digitais?

Há planos, mas sem data ainda de quando a editora começará a investir nisso. Talvez comecem com mangás que a editora havia anunciado que seriam reimpressos como Dark Metrô e Vampire Kisses. Em paralelo lançariam alguns mangás mais recentes, pois os contratos novos já contemplam os mangás digitais.

  • Mangás de Luxo?

A NewPOP tem pretensão de lançar mangás de luxo, sim. Segundo a empresa nem só de obras já publicadas pela editora e sim até mesmo de obras inéditas. Segundo Junior Fonseca, dono da editora: “uma das obras que a gente vai divulgar já será nesse formatinho de luxo, capa dura, entre outras coisinhas mais”.

  • Morte, Napping Princess e Shakugan no Shana

A empresa deu previsão de lançamento dessas séries, os três saem em abril. Saiba mais, clicando aqui.

  • No Game No Life – volume 10

A light novel encontra-se em tradução. Ainda está sem uma data definida para ser lançado. O planejamento da editora, porém, é que ele saia ainda no primeiro semestre.

  • Reimpressão de Dororo?

A editora comentou que os mangás de Osamu Tezuka costumam demorar muito para vender. Dororo, por exemplo, foi lançado há vários anos e só agora, provavelmente por causa do novo animê, os volumes iniciais esgotaram. Embora a empresa não tenha negado veementemente, ela comentou que por conta dessa demora, uma reimpressão desse mangá não deve acontecer por ora.

  • Reimpressão em geral?

A prioridade de reimpressão da editora é No Game No Life – livro 1 e GTO #02. Outro volume esgotado, A voz do silêncio #03, também deve ter reimpressão, mas a editora comentou que ainda não sabe quando haverá.

  • Títulos da Shueisha?

A empresa não tem nenhum problema com a Shueisha. A editora não licencia obras dessa empresa porque ou os títulos que a NewPOP queria já tinham sido adquiridas por outras empresas ou não interessaram à empresa. Fora que a editora brasileira prefere títulos um pouco mais curtos e uma boa parte dos mangás da Shueisha são mais longuinhos.

  • Zero no Tsukaima

Sem previsão. A empresa começou a trabalhar no mangá, mas a light novel ainda nem tem tradutor para o projeto.

15 Comments

  • Joana Albuquerque

    Sei não, acho que não sai mais novel do Number Six. Eles não tem sido mais enfáticos com relação ao cancelamento, especialmente nas lives desse ano. Eu sei bem o que a Saraiva aprontou com a NewPop, mas já faz algum tempo; se pelo menos saísse um número da novel de Number Six por ano eu não reclamava, mas agora é só marketing. A editora não quer ‘quebrar a promessa’ de nunca cancelar uma série, mas não posso mais mantê-la e por isso posterga os lançamentos aos infinitos.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: