Memória: Há seis anos Panini confirmava a conclusão de “Homunculus”

Obra de Hideo Yamamoto quase foi cancelada faltando um volume

Era uma sexta-feira comum e normal como várias outras. O ano era 2014. O mês era março. O dia era 7. Naquele dia, porém, uma coisa inusitada acontecia, a Panini divulgava, em sua página na rede social Facebook, que o mangá Homunculus seria concluído ainda no primeiro semestre daquele ano. Era o fim de anos de tensão sem saber se a história iria terminar.

“Planet Zip” era um programa da editora no Youtube.

Homunculus é de autoria de Hideo Yamamoto e foi publicado no Japão entre 2003 e 2011, sendo concluído em um total de 15 volumes. No Brasil, o mangá começou a ser publicado pela Panini em abril de 2008 e ele não teve tanto sucesso por aqui.

A obra na verdade foi um completo fracasso, vendendo menos a cada volume e dando prejuízo para a editora. Apesar disso, a obra foi saindo normalmente, até que o volume 14 foi publicado em novembro de 2011 e aí sim a obra parou de sair…

O volume final havia sido publicado em meados de 2011 no Japão, então daria tempo para ele sair no Brasil em janeiro ou fevereiro de 2012, mas ele não apareceu. O tempo foi passando, passando e os fãs começaram a ficar apreensivos. Seria mais uma obra que entraria na “geladeira”? O título seria cancelado faltando um volume?

Coisa vai, coisa vem, e após muita apreensão, a editora decidiu atender os pedidos dos fãs e publicar o volume final e aí chegamos nessa data, 7 de março de 2014. Foi uma completa surpresa, pois nem mesmo os editoras da Panini acreditavam que a obra pudesse retornar. Beth Kodama, uma das editoras da casa, chegou a comentar que os números de venda do mangá jamais permitiriam o seu retorno.

Mas, então, como ele foi lançado? O volume final de Homunculus seria publicado de uma forma diferente do usual da editora, sendo lançado exclusivamente na loja online da Panini e em lojas especializadas, sem ir para as bancas de revistas, evitando assim gastos de distribuição, além de poder fazer uma tiragem mais baixa e exclusiva.

Tudo certo e final feliz, certo? A verdade é que a iniciativa deu esperanças nos consumidores de que a editora repetisse o mesmo processo com outras obras que estavam paradas há bastante tempo. Porém, o volume final de Homunculus também não vendeu nada e foi um tremendo fracasso. “Nem os fãs compraram”, disse um dos integrantes da Panini na época. Então, quem realmente quis e ficou sabendo do lançamento até conseguiu completar a coleção, mas o fracasso da publicação deixou os títulos da geladeira mais na geladeira ainda. De lá para cá, nenhum deles voltou a aparecer…

O fracasso do mangá ainda deixou a empresa de sobreaviso acerca de certas obras. Beth Kodama chegou a comentar, por exemplo, que a editora tinha muito receio de lançar uma obra como Boa Noite Punpun, pois eles não queriam ver se repetir o caso Homunculus, de uma obra excepcional sendo rejeitado pelo público. Punpun viria depois pela editora JBC e seria um sucesso absoluto, mas na época ninguém sabia disso…


Memória é a nossa postagem de curiosidades em que buscamos relembrar algum fato, episódio ou época do passado do nosso mercado de mangás. Você pode conferir todas as postagens dessa série clicando aqui. Para ver outras curiosidades em geral, clique aqui.

4 Comments

  • Quem se deu bem no final foi os fãs de Boa Noite Punpun que provavelmente viria pela Panini e sumiria do mercado todos os volumes em pouquíssimo tempo. E acabou vindo pela JBC que lançou uma bela edição com direito a páginas luxo scream e ainda terminou por lançar uma box bem bonitinho (n muito forte, mas tbm n chega a ser bem frágil) e que conhecendo a Panini de jeito nenhum teria isso…………Bom, eu particularmente não curti a leitura da obra, então esse caso do Homunculus, para mim, é de todo um desastre.

  • Kiko

    Espero que um dia a JBC tente resgatar a obra e lamçar num big aqui no país. É um mangá bem singular.

  • Alexandre

    E agora eu estou louco pelos volumes 13 e 14, achei essa raridade dando sopa por aí do 1 ao 9 e depois peguei o 10 num site, 11 é 12 com Cap Onigiri. A obra é incrível, singular define, tô louco para ter isso completo, se relancassem seria sucesso, talvez o gosto do pessoal na época não estava tão diversificado!

  • Benício

    Estava sem dinheiro na época do lançamento de Homunculus (final da faculdade), tinha começado a ler na internet mas queria ler com uma qualidade melhor. Nunca achei depois. Podiam lançar em formao digital.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: