Comentando os títulos anunciados pela Panini

O que comprarei e o que não comprarei

Na última quinta-feira, 06 de janeiro de 2022, a editora Panini realizou uma nova bateria de anúncios, com três novos títulos divulgados, a saber: Demon Slayer – Flor da Felicidade, Jujutsu Kaisen Oficial Fanbook e Dakaichi – O homem mais desejado do ano. Pensando nisso, resolvi fazer um post comentando os títulos anunciados pela editora, dizendo o que pretendo ou não comprar.

Não me limitarei aos anúncios do dia 6, porém, e falarei de todos os demais títulos da Panini que ainda não tiveram o primeiro volume publicado. Assim, vocês verão o que eu penso sobre cada uma das futuras publicações da empresa.

É importante ficar claro que essas são decisões de momento. As coisas podem mudar a depender de uma série de fatores, como eu desistir de uma coleção e abrir uma brecha de orçamento ou comprar uma série não-prevista e o que tinha de dinheiro disponível não estar mais, etc, etc, etc.

Dito isso, vem ver 🙂


PREVISTOS PARA FEVEREIRO DE 2022

  • Komi Não Consegue se Comunicareu já fiz pré-venda do primeiro volume na loja da Panini, mas só o comprei para, talvez, fazer uma resenha da obra, ver os pontos positivos e negativos, etc. Mas não irei colecionar a série, isso porque ela será mensal (ganhará um volume novo por mês), custará mais de R$ 30,00 e ainda está em andamento no Japão com mais de 20 volumes publicados. Eu realmente gostaria de indicar a série a vocês, pois a premissa parece muito interessante, parece ser uma obra muito legal, mas os mesmos impeditivos financeiros que eu tenho, imagino que muitos de vocês também tenham. Mas se você é fã da obra, não está colecionando nada no momento e tem um dinheiro sobrando, por que não?

 

  • Demon Slayer Gaiden: eu não acompanhei a série principal, então eu deixarei passar este volume único, tendo em vista que nem uma resenha adequada da obra eu conseguiria fazer por não conhecer em detalhes a série e não saber exatamente os personagens e nem os objetivos do gaiden.

 

PREVISTOS PARA MARÇO DE 2022

  • Demon Slayer – Flor da Felicidade (Novel): o caso aqui é idêntico ao Demon Slayer Gaiden, como não acompanhei o mangá, não devo comprar o livro. Mas, nesse caso, ao menos não inicialmente. Está nos planos eu voltar a ver o anime e sabendo mais da história posso adquirir o livro, não só para poder ler mais, mas também para ajudar o mercado de novels no Brasil.

 

  • Jujutsu Kaisen Oficial Fanbook: a minha relação com Jujutsu Kaisen é quase a mesma de que a Demon Slayer, mas Jujutsu é pior, pois eu não acompanhei nada. O anime está lá na lista de futuros, mas ainda não tive a oportunidade de ver. Então, eu também não irei comprar o fanbook. Mas se você é fã da obra eu indicaria a comprar, pois é sempre bom ter uma coisa a mais da série que se gosta (e é só um volume).

 

  • One Piece – 3 em 1: eu vou comprar o volume 1. E é isso, ponto, acabou. Não existe chance de colecionar o mangá por R$ 84,90 sendo mensal. Se já tá difícil acompanha um mangá de trinta como Komi Não Consegue se Comunicar, imagina um de oitenta? Não rola. Só acho uma pena para os fãs do mangá que tenham um menor poder aquisitivo, pois será muito difícil conseguir acompanhar a obra.

 

  • Dakaichi – O Homem Mais Desejado do ano: eu achei bom a Panini anunciar um mangá BL. Eu quero comprar para ajudar o mercado, para a Panini trazer mais e mais mangás BL’s. ENTRETANTO, há o mesmo problema dos outros títulos, periodicidade mensal. Tudo bem, são só oito volumes, mas isso não ajuda nas finanças, pois continuando custando mais de R$ 30,00. Então ele será um daqueles títulos relegados àquelas grandes promoções da Panini que dão 30% de desconto ou mais. O pior é que, segundo grande parte dos fãs de BL’s com quem tive contato, Dakaichi é mangá bem ruim e aí fica difícil se animar. Por ora, eu só comprarei o volume 1 para resenha, o resto a gente vê depois.

 

  • Shangri-la Frontier: eu já fiz pré-venda do volume 1, tanto da edição regular, quanto da Pass Edition. Eu não conheço absolutamente nada da obra, eu só sei da existência dele de nome e de algumas pessoas falarem bem. A leitura do volume inicial vai decidir se eu vou continuar a comprar ou não. SIM, pois, ele ainda é um mangá curto (o sétimo volume sairá este mês no Japão) e será lançado BIMESTRALMENTE, o que dá um alívio no bolso e faz com que seja mais fácil colecionar. Eu também sugiro a vocês fazer o mesmo, pois pode ser um título que os agradará.

 

SEM PREVISÃO ATUALMENTE

  • Bleach – Jump Remix: a gente já viu o preço de One Piece 3 em 1. A gente viu que mesmo com tantos volumes e o preço tão alto ele sairá mensalmente. E a gente sabe que a nova edição de Bleach será mais ou menos um 3 em 1 também. Então, eu também sinto pena dos fãs da obra que tem menor poder aquisitivo, pois há grandes chances de a coleção ter um valor semelhante ao de OP. De minha parte eu não sou fã da obra, mas devo comprar o volume 1 para fazer resenha e só ele.

 

  • Blue Period: eu estou vendo o anime e gostando e as pessoas dizem que o mangá é bem melhor, então eu pretendo colecionar esse mangá. Deve sair mensalmente? Deve e aí é o mesmo problema dos demais títulos. Quando se lança duas séries bimestrais se intercalando você consegue comprar as duas, gastando o mesmo valor por mês. Agora se você lança duas séries mensais, você só consegue acompanhar uma, a outra fica relegada. O único mangá mensal que estou acompanhando é o KonoSuba! e, como eu já disse nesse blog, ele não é bom, estando bem longe do que é a animação. Eu só o compro atualmente por ser fã do anime, então eu posso colocar ele na geladeira em algum momento e esperar boas promoções. Então essa é a única manobra que eu posso fazer para colocar BP no meu orçamento.

 

  • Kaiju No 8: Inicialmente, eu tinha decidido não pegar o mangá por questão de orçamento. Entretanto, as coisas mudaram e ele será igual Shangri-la Frontier. Como ele tem poucos volumes, comprarei o volume 1 para ver qual é a dele. Se eu gostar e se o mangá sair bimestralmente, talvez eu continue. As pessoas, em geral, falam muito bem do título, então é algo para ficar de olho.

Opa, você chegou ao final do texto e descobriu que você não sabia que a Panini tinha anunciado este ou aquele título? Pois então, todo mês a gente faz um post listando todos os mangás divulgados pelas editoras brasileiras e que ainda não começaram a sair. Essa postagem se chama “Futuros Lançamentos”. Você pode ver as mais recentes, clicando aqui. Acompanhando a postagem, você sempre estará atualizado :).


NOS SIGA EM NOSSAS REDES SOCIAIS



6 Comments

  • musck29

    Eu vou pegar apenas Kaiju 8 desses…One Piece é meu favorito, mas seguirei com minha coleção padrão que está completinha

  • Se eu for pegar, será o Kaiju e olhe lá, esses títulos da Panini nenhum me soa super bom.

    O único outro que eu tecnicamente poderia pegar é Komi, mas o anime se saiu super mediano pra mim, e por 35 reais é complicado justificar comprar um mangá de mais de 20 volumes que não caiu realmente na minha graça. O que é uma pena, por que no geral o estilo de Komi é o meu favorito.

  • Musashi

    Eu nunca li One Piece e estava aguardando pra pegar essa coleção, mas por esse preço vou deixar passar. Eu compro 3 mensais (Jujutsu, Real e Dorohedoro), além de alguns esporádicos (Inuyasha, Chainsaw e Haikyu), não dá pra botar quase 90 reais a mais pra gastar.

  • A Panini anunciou um mundaréu de títulos e não me interessei por nenhum, o que me faz pensar se eu ainda sou um público alvo pro setor ou não :v

  • ferrers405

    Bom, eu “só” acompanho Dragon Ball Kazenban e Fire Force da Panini (Já que Banana Fish e Paradise Kiss já comprei as pré-vendas e acabaram) então vou fazer uma força e tentar colecionar One Piece mesmo com esse preço, mas a 89, tem que ter pelo menos 20% na pré-venda ou promoção, veremos.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: