NI 467. Resultado do 13º Manga Taisho Awards é divulgado

Obras como SPY X FAMILY e Chainsaw Man concorriam

O comitê executivo do 13º Manga Taisho Awards divulgou nesta segunda-feira, 16 de março de 2020, o grande vencedor do prêmio deste ano, trata-se de Blue Period, de Tsubasa Yamaguchi, autora responsável pela versão em mangá de Ela e o seu Gato. O mangá já tinha sido indicado ano passado, mas na ocasião perdeu para Astra Lost In Space, de Kenta Shinohara.

Blue Period foi lançado no Japão em 2017 na revista de mangás seinens Afternoon, da editora Kodansha, e ainda está andamento, atualmente com 6 volumes publicados, com o 7º previsto para sair dia 23 de março. O mangá também está concorrendo ao Tezuka Osamu Cultural Prize deste ano.

A obra ainda permanece inédita no Brasil. Ou seja, nenhuma editora o anunciou até o momento.

Sinopse: Durante seu penúltimo ano de ensino médio, um perfeito estudante do ensino médio vê tudo com muito fastio, mesmo tendo amigos e tirando boas notas com facilidade. Entretanto, certo dia, ele finalmente encontra algo que chama a sua atenção: a arte. Uma pintura solitária captura seus olhos, despertando-o para um tipo de beleza que ele nunca conheceu. Fascinado por aquilo, ele decide se matricular em uma universidade com um viés artístico; uma decisão que poderia levar a resultados potencialmente desastrosos…

Eis como ficou o resultado final:

  • Blue Period – 69 pontos (Vencedor)
  • SPY X FAMILY – 63 pontos
  • Skip to Loafer – 58 pontos
  • Wave, Listen to Me! – 57 pontos
  • Mizu wa Umi ni Mukatte Nagareru – 56 pontos
  • Mystery to Iu Nakare – 54 pontos
  • Muchū sa, Kimi ni – 50 pontos
  • Chainsaw Man – 40 pontos
  • Maku Musubi – 36 pontos
  • Ikoku Nikki – 31 pontos
  • Boku no Kokoro no Yabai Yatsu – 24 pontos
  • Ashita Shinu ni wa – 20 pontos

O Manga Taisho Awards (também chamado de Cartoon Grand Prize) é um prêmio japonês que ocorre desde 2008 e que tem como diferencial os funcionários de livrarias, que estão em constante contato com as obras, como membros votantes. Na edição deste ano, 94 pessoas indicaram um total de 238 títulos, dos quais saíram doze concorrentes.

Para fazer parte da lista é preciso que o mangá tenha tido ao menos um volume publicado no ano anterior e não exceda 8 volumes publicados até o momento. O objetivo é que os vencedores do prêmio sejam títulos relativamente novos que ainda não ganharam tanta popularidade.

Dentre as obras publicadas no Brasil, três delas já ganharam o prêmio: Thermae Romae, em 2010, Golden Kamuy, em 2016, e BEASTARS, em 2018. Outros títulos de interesse que também ganharam o prêmio foram 3-Gatsu no Lion, em 2011, de Chika Umino (autora de Honey & Clover), Silver Spoon, em 2012, de Hiromu Arakawa (autora de Fullmetal Alchemist), e  Umimachi Diary, em 2013, de Akimi Yoshida (autora de Banana Fish). Em 2019, o vencedor foi Astra Lost In Space que será publicado no Brasil pela Devir.

Com informações de ANN

1 Comment

  • Se não me engano, Blue Period já estava concorrendo ano passado. Se falava muito dele vencer esse ano pois estava no seu limite de participação.

    Já Spy x Family deve levar o prêmio em 2021 ou 2022, já que provavelmente ainda estará dentro dos critérios.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: