Comentando “Wotakoi #09”

O casamento. Enfim, o casamento

O TEXTO TERÁ SPOILERS DO VOLUME 9, ENTÃO O LEIA APENAS SE JÁ TIVER TERMINADO O VOLUME

O nono volume do mangá Wotakoi – O Amor é Difícil para Otakus finalmente foi lançado no Brasil e, agora, os fãs poderão ler a esperada história do casamento de Taro Kubakura e Hanako Koyanagi, prevista pelo desenrolar dos volumes 7 – em que ocorre o pedido – e 8, e pela capa do número 9, que mostra os dois vestidos a caráter.

Sim, pois, desde que a capa foi revelada no Japão, tava todo mundo louco querendo ver o desfecho o mais rapidamente possível (e saber se o casamento aconteceria mesmo ou não^^).

Mas o volume não é só sobre a cerimônia. Todos os seis personagens que compõem a obra terão atenção, com histórias voltadas para eles, de uma maneira ou de outra. Há, por exemplo, um capítulo que mostra como Kubakura conheceu o Hirotaka (o viciado em games), e o que pensava dele nos primeiros dias de emprego. Essa é uma história que realmente fazia falta, visto que já tínhamos descoberto como todos os outros se conheceram.

Assim como os outros volumes, o nono é dividido na história principal (no caso, os subcapítulos 65-1, 65-2 e 65-3) e nas histórias intercaladas (capítulos 62 a 69) que mostram outros momentos ou outros personagens. A história principal é justamente o casamento.

Os três subcapítulos que compõem a história do casamento são bem emblemáticos, por mostrarem exatamente a natureza do casal, se amando ao mesmo tempo em que discordam em muita coisa. O primeiro subcapítulo, por exemplo, é sobre um pequeno desentendimento entre Kubakura e Koyanagi a respeito de como deve ser a festa, mais precisamente o tipo de roupa que a noiva irá usar. Como é fácil imaginar pela personalidade e pelos gostos de Koyanagi, ela deseja se casar de um jeito bem específico e inusitado, ao passo que Kubakura rejeita totalmente a ideia, por se sentir deslocado, por achar que as pessoas estranharão, etc, etc, etc. Os dois, então, são – cada um a seu tempo – aconselhados por Narumi e Hirotaka que acabam sendo persuasivos e um decide aceitar a ideia do outro.

O segundo subcapítulo é uma “”discussão”” sobre essa mudança dos dois, com Kubakura querendo agradar Koyanagi e Koyanagi querendo agradar Kubakura, naquele estilo “wotakoiano” que a gente conhece, que nos faz ver os personagens de um modo mais kawaii possível. O terceiro subcapítulo é o casamento em si, em que vemos eles ansiosos e felizes com o casamento.

Só que se trata de Kubakura e Koyanagi. Se existe o lado fofo do amor dos dois que a gente vê desde sempre, existe também o lado “””real””” em que os dois estão brigando o tempo todo^^. Não obstante, a autora não deixaria isso de fora no casamento, já que faz parte do humor da obra.

***

Os capítulos intercalados possuem histórias diversas, como Narumi querendo ir à praia com Hirotaka para aproveitar o restante do verão, com ela fazendo comida para ele, além do já falado capítulo em que mostra como Kubakura e Hirotaka se conheceram. Mas o grande destaque do volume é a história envolvendo Naoya (o irmão mais novo de Hirotaka) e Kou, sua amiga.

No volume anterior, Naoya e Kou foram passear e a garota, em certo momento, mesmo estando muito ansiosa, diz que gosta dele, mas em vez de falar em namoro e coisas assim, ela apenas pede para que sejam amigos para sempre^^.

O caso é que isso parece meio constrangedor ou algo assim e, no volume atual, a situação se desenrola com Kou buscando se esconder do Naoya e não ficar sozinha com ele, justamente pelo que aconteceu. O garoto acaba não gostando disso, querendo voltar a conversar com ela normalmente e tudo mais. Pouco a pouco, parece que ele vai conseguindo clarear os sentimentos dele para com ela.

Nada se resolve ainda, então essa é uma história para o próximo (ou próximos volumes).

Wotakoi continua uma história bem divertida de se acompanhar, estamos totalmente afeiçoados aos personagens e querendo ver mais e mais momentos dos seis. É difícil prever até onde vai a obra, mas sinceramente esse é um tipo de título que eu não gostaria que acabasse tão cedo, pois agrada bastante. Infelizmente, existe um limite para uma obra de humor e esse limite talvez esteja chegando.

A partir do momento em que todos os casais estiverem reunidos e houver a possibilidade de um outro casamento, não parece credível que o título continue por muito mais tempo, pois o humor do “o amor é difícil” iria se perder um pouco. Se bem que Kubakura e Koyanagi continuam brigando, não é mesmo? De todo modo, não acho que a obra vá durar mais tantos volumes assim.

Ficha Técnica

Título Original: ヲタクに恋は難しい
TítuloWotakoi
Autor: Fujita
Tradutor: Karen Kazumi Hayashida
Editora: Panini
Número de volumes no Japão: 10 (ainda em publicação)
Número de volumes no Brasil: 9 (ainda em publicação)
Dimensões: 13,7 x 20 cm
Miolo: Papel offwhite
Acabamento: Capa cartonada simples com algumas páginas coloridas
Classificação indicativa: 16 anos
Preço: R$ 19,90
Onde comprar: Comix

2 Comments

  • Bijouane

    Amo demaiis ❤️❤️❤️

    O volume 09 está maravilhoso demais. A leitura te prende do início ao fim. E quando acaba, você fica com o gostinho de quero mais 😭😭😭😭

    Agora só esperar sair o volume 10 para ver o desfecho de Kou e Naoya (atualmente é meu casal favorito ❤️)

    Sinceramente, espero a obra tenha pelo menos uns 15 volumes (os outros dois relacionamentos precisam ser mais desenvolvidos 🤣)

  • Wotakoi é bom demais, é aquele tipo de comédia gostosinha que tá ali só pra colocar um sorriso no teu rosto, e como foi um balsamo no meio da pandemia pra mim, talvez vire um dos mangás xodós da minha vida <3

    Considerando a capa do volume 10 o Nao e a Kou vão se entender logo logo, o que também me dá a sensação de que a obra não vai ter muita longevidade, talvez mais uns 3 volumes pra finalizar

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: