Retrospectiva

Mercados Internacionais: pelo terceiro ano seguido, Espanha tem recorde no número de mangás lançados
Matérias, Retrospectiva

Mercados Internacionais: pelo terceiro ano seguido, Espanha tem recorde no número de mangás lançados

Nos últimos anos, o mercado espanhol de mangás tem batido recordes atrás de recordes e em 2019 não foi diferente. Foram publicados na Espanha cerca de 838 volumes de mangás, o maior número da história do país. Até então, as maiores quantidades haviam sido em 2018 (812) e 2017 (793). Esses números somam apenas os mangás de origem japonesa, de modo que eventuais mangás espanhóis, franceses, chineses e de outras nacionalidades publicadas no país, não entram na conta. Assim como light novels, databooks e outros produtos também não. Esse número impressionante vem logo após o grande impacto que a crise internacional teve no país. Entre 2010 e 2014, o mercado espanhol estava em uma recessão com uma diminuição enorme no número de lançamentos e somente em 2015 as coisas começaram a melhorar de f...
Mercados Internacionais: os mangás publicados no México em 2019
Matérias, Retrospectiva

Mercados Internacionais: os mangás publicados no México em 2019

Se, por ventura, você ainda não sabe, o mercado mexicano de mangás é emergente e com um crescimento intenso, ano após ano, impulsionado, sobretudo, pela presente da uma grande editora europeia, a Panini. No passado, até existiam editoras que publicavam mangás, mas entre falências e descontinuações, praticamente inexistia um mercado mexicano de mangás, até que em 2014, a Panini entrou no mercado e não parou de crescer desde então. O México iniciou 2019 com três editoras de mangás, a Panini sempre dominante, a Kamite, sua principal concorrente, e a Smash, do grupo Televisa, que vinha para tentar um filão desde 2018. O ano, porém, terminou com apenas duas. Em meados de 2019, a Smash deu uma pausa em suas atividades e demitiu todos os funcionários. Com isso, algumas obras ficaram no limbo c...
Mercados Internacionais: os mangás lançados na Argentina em 2019
Matérias, Retrospectiva

Mercados Internacionais: os mangás lançados na Argentina em 2019

Se você for a Buenos Aires e entrar em alguma comiqueria, muito provavelmente você encontrará uma diversidade enorme de mangás em espanhol, muitos dos quais não foram lançados no Brasil e que talvez nunca sejam. Entretanto, o grande número de obras que tem nessas lojas não são necessariamente argentinos. A maioria é importado da Espanha, esse sim um grande mercado de mangás. Isso não quer dizer que a Argentina não tenha um mercado próprio. Existem editoras atuando no país e elas lançam mangás. O número é pequeno comparado com o Brasil, mas é maior do que Portugal e Finlândia. Em nossa postagem de hoje, a gente mostrar a vocês os mangás que foram lançados na Argentina em 2019. Entretanto, antes de mais nada, você tem que lembrar de um fator importante chamado "crise". A Argentina nunc...
Mercados Internacionais: Os mangás lançados na Finlândia em 2019
Matérias, Retrospectiva

Mercados Internacionais: Os mangás lançados na Finlândia em 2019

Nem todos os países ocidentais possuem um mercado de mangás próprio. Aqui na América do Sul, por exemplo, apenas Brasil e Argentina lançam mangás (Colômbia também começou, mas no país os títulos são todos advindos da Panini México) e os demais convivem com produtos importados, a maioria da Espanha. Na Europa, embora boa parte dos maiores mercados estejam lá, também são poucos os países que lançam mangás, de modo que nos que não lançam os otakus precisam se aventurar em edições importadas de outros países, seja no mesmo idioma (caso do francês na Bélgica), seja em idiomas estrangeiros (caso do inglês ou espanhol em Portugal, que até tem um mercado próprio, mas é minúsculo). Um dos países europeus a publicar quadrinhos japoneses e que raramente se fala é a Finlândia e é desse país que fal...