Review

Review – Limit – volume 1
Review

Review – Limit – volume 1

O que dizer desse mangá que mal conheço e já considero pacas? Limit é um mangá de autoria de Keiko Suenobu e foi publicado nas páginas da revista Bessatsu Friends, da editora japonesa Kodansha, entre 2009 e 2011, e rendeu ao todo 6 volumes encadernados. Aqui no Brasil, título começou a ser lançado em julho pela JBC e viemos aqui dar nossa opinião. Estejam cientes: haverá muitos SPOILERS, leia por sua conta e risco. *** Sinopse: Mizuki Konno leva a vida tentando se envolver o mínimo possível nos problemas que surgem à sua volta, se omitindo do bullying que suas amigas praticam. Porém, seu "mundo perfeito" cai por terra quando um acidente acaba com a vantagem de seu ambiente escolar e põe em xeque seu comportamento. *** Preâmbulos e personagens Na escola, Konno, Sakura e Ha...
Review – Operação Big Hero
Review

Review – Operação Big Hero

Em 2015, a editora Abril vem publicando uma série de Disney-mangás. De todos eles, sem dúvida, o que teve o timing mais perfeito foi Operação Big Hero, lançado bem na época em que filme ainda estava na cabeça das pessoas. O título teve seu primeiro volume publicado em janeiro e sua conclusão ocorreu em junho. Vamos conhecer esse mangá diferente? Operação Big Hero foi publicado entre 2014 e 2015 nas páginas da revista Magazine Special, da editora Kodansha, e foi concluído em dois volumes. A história gira em torno dos irmãos Hiro e Tadashi, suas invenções e seus desejos, tudo isso permeado por um intenso sentimento de amizade. Tadashi é um rapaz que gosta de tecnologia e é muito dedicado em suas invenções. Por sua vez Hiro é um menino prodígio que aos quatorze anos frequenta a universidade ...
Review

Review – Ataque dos titãs – sem arrependimentos

Quando um spin-off é melhor que o original... Em junho, a editora Panini concluiu um novo mangá nas terras brasileiras, Ataque dos titãs - sem arrependimentos. A obra, de autoria de Gun Snark e Hikaru Suruga, é um spin-off da obra de Hajime Isayama e conta a história de como o capitão Levi entrou para a divisão de reconhecimento. Mas a história é boa? Vale a pena? E como ficou a edição nacional? Vamos ver agora. Edição Nacional O título custa R$ 12,90 e tem apenas 170 páginas. Não há páginas coloridas na edição, mas o papel utilizado é um pouco melhor do que os demais mangás em papel jornal da editora, assemelhando-se em muito com o utilizado pela JBC em títulos como Steins; gate, por exemplo. No entanto, se por um lado a editora deve ser elogiada pela melhoria do papel, por ou...
Review

Resenha: Wish – volume 01

Em junho, a editora JBC lançou o mangá Wish, do aclamado grupo Clamp. Wish era um título pedido há muito tempo pelos fãs e, agora, em 2015 finalmente os nossos desejos foram atendidos. O preço de R$ 14,50 tem se tornado uma constante na editora para mangás em papel jornal e com páginas coloridas, mas será que o mangá vale o preço? Assim como eu disse quando falei de Chobits, quem vos fala é um clamp-fanático e, talvez, a minha opinião seja embaçada pelo meu gosto pessoal, mas tentarei ser o mais imparcial possível. I Questões técnicas: Wish é publicado em papel Pisa-Bright 52g e possui páginas coloridas em todas as edições, sendo estas impressas em papel Couché. Formato 13,5 x 20,5 cm. Antes da disparada do dólar e do aumento da inflação um mangá da JBC com estas características deveria s...
Review

Review – Aventuras de menino

Como é voltar a ser criança? Quando a L&PM anunciou, em 2011, os mangás Aventuras de menino e Solanin me interessei de imediato em adquiri-los. Não pelas histórias em si, nem pelos autores que, na época, eu não conhecia, mas sim pela editora. Desde que conheci a editora L&PM e sua coleção de livros de bolso passei a preferi-los aos  comuns que até então eu tinha. E quando sua editora favorita resolve entrar no ramo de uma de suas principais diversões é lógico que você ficará animado. Infelizmente, por diversos infortúnios, só vim a comprar Aventuras de menino bem recentemente, em uma promoção da Amazon. Já Solanin encontra-se esgotado e só poderei adquiri-lo quando a L&PM cumprir sua promessa de o reeditar. Mas vamos ao que interessa, como é Aventuras de menino? Vale a pena c...
Review

Resenha: Chobits #01

Em maio, a editora JBC relançou Chobits, mangá do aclamado grupo CLAMP, porém o preço de R$ 16,90 não agradou a muitas pessoas. Mas será que o mangá não compensa realmente o valor? Temos uma opinião a dar a vocês. Quem vos fala é um Clamp-fanático e, talvez, a minha opinião seja embaçada pelo meu gosto pessoal, mas tentarei ser o mais imparcial possível. Sim, possuo a primeira versão de Chobits e essa nova está muito melhor, mas muito mesmo. Nesta postagem, no entanto, não farei comparações entre as duas versões, me limitarei a falar do espetáculo que está a  nova versão. Vamos lá: I Questões técnicas: Chobits é publicado em papel off-set e possui páginas coloridas em todos os volumes. Algumas pessoas não sabem, mas o papel off-set é, por natureza, mais caro que o papel brite usado regul...
Review

Review – A metamorfose

Um dia este blog acordou e se viu transformado em uma barata... Adaptações literárias para os quadrinhos têm se tornado constante nos últimos anos. Algumas são muito boas, outras são muito ruins. E tem aquelas que fica no meio-termo. E algumas vezes, a leitura ser boa ou ruim depende de você ter conhecer ou não a obra original. A Metamorfose, de Franz Kafka, é um dos meus livros favoritos. O drama do homem transformado em inseto, a vida sofrida de Gregor Samsa e o nojo provocado em seus familiares por sua situação é realmente marcante e seria muito difícil adaptar a obra para uma outra mídia. Mas fizeram isso, várias vezes, porém nunca me permiti ler uma adaptação para não "estragar" a obra original. Porém eu resolvi dar uma chance à adaptação lançada pela L&PM. Comprei o mangá da e...
Review

Review – Ageha

Quando o limite do absurdo não existe. Pensa na dinâmica dos seus sonhos: você está em um lugar fazendo não-se-o-quê e de repente está em outro fazendo qualquer outra coisa diferente. E de repente em outro, e em outro e em outro, ininterruptamente até você acordar. Essa é a dinâmica de Ageha, obra do renomado autor Koushi Rikudou, que foi lançada pela editora JBC agora em 2015. Ageha é a história mais amalucada que eu li desde sempre (para o bem e para o mal). A história se inicia com o protagonista Motoki Tateha prestes a consumar o seu amor com Ageha, mas de repente ele é jogado em um outro mundo. Ageha morre. E o mundo reinicia a partir de outro ponto. Ageha morre de novo. E o mundo novamente é reiniciado. A condição sine qua non para Ageha morrer e o mundo ser reiniciado é basicament...
Review

Review – Feridas

A amizade é novamente o tema desse mangá do mesmo desenhista de Another. Feridas conta a história dos jovens Keigo e Asato, dois garotos que, por um ou outro problema de comportamento, são encaminhados para uma classe de crianças que precisam de cuidados especiais. Com problemas familiares semelhantes, a amizade entre eles floresce e um ajuda o outro a superar suas dificuldades. Quem leu Só você pode ouvir sabe o que esperar da história: um enredo com personagens deprimidos e um drama se desenvolvendo por meio de um toque sobrenatural. O sobrenatural da história fica por conta de Asato que possui o poder de transferir feridas dos corpos das outras pessoas para o seu próprio corpo. Asato cura uma ferida de Keigo e com essa descoberta os dois acabam procurando por feridos para eliminar o...
Review

Review – Soel & Larg – as aventuras de Mokona Modoki

Vamos brincar? Não, vamos aprender algumas coisas? Vamos viajar pelos mundos Clamp? A light novel Soel & Larg - as aventuras de Mokona Modoki é mais um prato cheio de referências e curiosidades para os fanáticos do grupo Clamp. Quase o tempo todo sob o ponto de vista dos "bichinhos" acompanhamos a vida e as aventuras desses dois personagens que conhecemos em XXX Holic e Tsubasa Reservoir Chronicle. Trata-se de uma narrativa quase totalmente episódica. Em cada capítulo ou grupo de capítulos vemos as aventuras dos mokonas e aprendemos um pouco sobre a cultura japonesa, como os feriados, as lendas, etc. Para um fanático pelos mundos Clamp é interessante ver as referências ao Kerberus e ao Yue, aos "dois" que viriam do futuro, etc. Essa light novel é como uma prequel das futuras históri...
Review

Review – Só você pode ouvir

Existe um limite para a solidão? Existe uma chance das pessoas se libertarem de suas amarras? A solidão é desconhecida, é um mundo estranho aos olhos dos outros que pode levar os solitários até a quadros depressivos. Mas há possibilidade de crescimento e a amizade e a fantasia são os caminhos mais fáceis de se enfrentar seus problemas. Só você pode ouvir é uma história mágica, na qual a grande mensagem é a amizade. A narrativa envolvendo os telefones imaginários é a matriz inicial da história, mas isso fica em segundo plano perante o confronto dos personagens com a vida. Só você pode ouvir tem como objetivo a libertação da voz, literalmente ou não. Tanto a protagonista Ryo Aihara, quanto seu amigo do telefone imaginário, Shinya Nozaki, são pessoas que precisam se livrar de suas amarras ...